segunda-feira, 16 de novembro de 2009

de desenhista pra psicóloga

- meu, tá foda
- o que?
- eu to muito cansada.
- faz parte do seu show, meu amor.

enquanto eu corro, as pessoas oferecem garrafinhas, paradas pra descanso. uns gritam que não vale a pena. uns ficam na torcida. eu continuo correndo, correndo, ainda sem saber o que que tá do lado de lá. tenho idéias, apenas. e procuro pessoas pra correr comigo.

a preocupação não é com os que mandam parar. é com os que correm junto e tropeçam - existe tempo pra catar e chamar de volta? - e com os que vem pra correr junto.

é, faz parte do meu show. e a temporada tá longe de acabar...

2 comentários:

Gui disse...

Ah, dá..

Sempre dá pra levantar alguem que tropeça..

E vamos cada vez mais rápido, e tropeçando menos..

E às vezes parando pra dar uns beijinhos.. ('e a gente vai se amando que também sem o carinho ninguém segura esse rojão')..

Flauto - upgrafix.com disse...

bom, logo lhe digo: essa corrida sua, não tem chegada não.
não tô sendo pessimista, ou coisa assim, simplesmente entendo que nossos quereres antigos estão sempre sendo sobrepostos por nossos novos quereres. se você chegar, é pq já não "quer"... e, raul disse:

Gente tá sempre querendo
Chegar lá no alto
Pra no fim descobrir
Já cansado que tudo é tão chato
Mas o engano é bem fácil de se entender

É que gente
Gente nasceu pra querer

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...